ESCOLA VIVA É DESTAQUE EM REVISTA INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO

Artigo inspirado em projeto da E.M. Professora Roseni dos Santos Silva emplacou as páginas da revista NovAmérica

0
394
Fotos: divulgação SMEC

A Escola Viva, que nos últimos quatro anos desenvolve um excelente trabalho na Educação de Magé, foi destaque através de um artigo inspirado em um projeto da E.M. Professora Roseni dos Santos Silva que ganhou as páginas da revista NovAmérica, veículo de comunicação que aborda estratégias nas áreas dos Direitos Humanos, Cidadania e Educação por meio dos ciclos pedagógicos, publicações e da criação do movimento dos educadores.

No segundo semestre de 2019, a rede municipal de Educação estabeleceu conversas para formalizar uma parceria com a ONG, visando realizar formações continuadas com o corpo docente das escolas da cidade.

Tudo começou a partir de diálogos entre a ONG, na pessoa da professora e doutora Edileia Carvalho e a Coordenação de Promoção de Igualdade Étnico-racial e Diversidade, quando a mesma esteve em Magé para realizar uma formação continuada para professores da COPIED.
Durante a visita na cidade, ela conheceu de perto o trabalho da Educação de Magé em prol de uma educação antirracista.

Segundo a professora-pesquisadora e militante da educação antirracista, Daise Pereira, que ocupa o cargo de coordenadora e pesquisadora da Copied, o artigo “A questão étnico-racial, perspectivas teóricas críticas e processos educativos em diálogo”, escrito por ela, discorre sobre práticas docentes e discentes instituintes que podem inspirar outros professores a romperem com lógicas segregadoras da diversidade.
“No artigo, busquei construir uma narrativa que evidenciasse o protagonismo dos saberes-fazeres dos principais sujeitos do processo educativo: discentes e docentes (enquanto mediador reflexivo)”, disse a coordenadora.

O projeto ‘Meu cabelo, minhas regras’ realizado pelo professor de Artes, João Caldas, que leciona na E.M. Professora Roseni dos Santos Silva foi uma construção coletiva, junto com a equipe pedagógica e a gestora – composta por Ana Carolina Arantes e Luizmar Moiséz Inez – desde 2018.

As ações se desdobraram em 2019 e provocaram a construção de um ambiente inclusivo da diversidade na unidade escolar.

“Então, entendi que essa prática precisava ser narrada, pois converge perspectivas interculturais e decoloniais que demonstram essas diferenças como parte de um currículo que precisa ser praticado”, esclarece Daise.

A revista NovAmérica possui alcance internacional e entre os seus colaboradores estão autores latino-americanos que atuam no segmento educacional em países como Peru, México, Colômbia, além de autores brasileiros referências na área de Educação e Tecnologia, Nelson Pretto (Universidade Federal da Bahia) e Silvio Gallo (Universidade Estadual de Campinas).

Acesse o link e confira a publicação da revista NovAmérica na íntegra:

http://www.novamerica.org.br/ong/?p=1503

Fotos: divulgação SMEC
Fotos: divulgação SMEC
Fotos: divulgação SMEC
Fotos: divulgação SMEC

DEIXE UMA RESPOSTA