SAÚDE DE MAGÉ AMPLIA OFERTA DE TESTES RÁPIDOS DE HEPATITES, SÍFILIS E HIV

Nesta semana, 23 Unidades de Saúde da Família de Magé começam a realizar os testes rápidos que detectam doenças como hepatites B e C, sífilis e HIV.

Essa ação faz parte de um planejamento anual de descentralização onde a meta é levar os testes para todas as USFs do município e também tem foco na campanha do Julho Amarelo, que tem o dia 28 em destaque como o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais, denominada pela Organização Mundial da Saúde e Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS).

“Agora os testes estão disponíveis na Atenção Básica e através dos diagnósticos temos uma medida de prevenção. Porque na medida em que a pessoa é diagnosticada cedo e tratada, ela deixa ter uma carga viral circulante. Quando o resultado dá positivo para sífilis, o tratamento é feito na USF mesmo. Em caso de HIV ou Hepatite o paciente é encaminhado para nosso Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), onde ela começa imediatamente o tratamento. É importante também a pessoa conhecer o diagnóstico cedo, tratar imediatamente e se manter em tratamento diário para curar ou controlar a doença”, explicou a coordenadora do CTA do município, Elisies Oliveira.

De janeiro à julho deste ano, a Secretaria Municipal de Saúde registrou o aumento na testagem, com um média 16 mil testes rápidos realizados. Além das 23 USFs, o município também conta com o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA-IST) onde são realizados os testes e ofertada a assistência médica, acompanhamento psicológico e medicamentos para os pacientes que testaram positivo.

A coordenadora também ressaltou que os testes apenas detectam as doenças e não as previne. “É necessário que a população faça o uso do preservativo nas relações sexuais, que é a forma mais eficaz de prevenção tanto da infecção pelo HIV quando das diversas infecções sexualmente transmissíveis como sífilis e também alguns tipos de hepatites”, complementa.

O CTA fica localizado ao lado do Hospital Municipal de Magé na esquina da Rua Pio XII com a Rua Getúlio Pereira, no centro do primeiro distrito.

Como funciona a testagem

Ao chegar na USF, o gerente de enfermagem realiza coleta do sangue para testagem. O teste é simples e sigiloso. O material colhido é submetido ao reagente que fornece o resultado positivo ou negativo em apenas 30 minutos.

Os polos que realizam os testes rápidos de hepatites B e C, sífilis e HIV são:

1° distrito: CTA-IST Magé, Vila Nova, Maria Conga, Nova Marília, Saco, Canal e Citrolândia

2° distrito: Andorinhas

3° distrito: Cachoeirinha

4° distrito: Santa Dalila

5° distrito: São Francisco, Anil, Ypiranga e Cantinho da Vovó

6° distrito: Ilha, Beco do Saci, Buraco da Onça, Parque Santana, Maurimárcia, Guarani I, Serrana I, Jardim Nazareno, Vila Carvalho e Parque Caçula

Texto: Phillipe Campos

DEIXE UMA RESPOSTA