A Prefeitura de Magé, em ação integrada das Secretarias de Transporte, Ordem Pública e Segurança Pública, está realizando um estudo para a realização de um projeto visando resolver os problemas de estacionamento na Praça 7 de Setembro, no Centro de Piabetá, no 6º distrito. Em uma ação realizada nesta quinta (11) e sexta-feira (12), agentes de trânsito e guardas municipais realizaram um levantamento de carros que ficam mais de 12 horas estacionados em espaço público.

O projeto tem como objetivo movimentar o Centro de Piabetá com vagas para os motoristas que desejam ter acesso ao comércio e serviços do local, evitando que utilizem o espaço público por mais horas do que o necessário. O estudo constatou que há motoristas que deixam o carro estacionado por mais de 24 horas, evitando que a vaga esteja livre para quem precisa de um local para deixar o automóvel, constatando uma irregularidade.

“Estamos fazendo o levantamento para justificar o motivo de precisarmos de um estacionamento rotativo. Encontramos carros que estão há mais de um dia estacionados no mesmo local. Esse motorista está utilizando o espaço público como estacionamento ou como garagem? Isso não pode ocorrer. Quem precisa ir ao comércio ou ao banco acaba ficando sem local para parar o carro”, destacou o secretário de Transporte, Renato de Abreu.

O secretário revelou ainda que um cadastro dos carros está sendo feito para que esses motoristas que usam o local por mais de 12 horas sejam notificados quando o projeto estiver concluído. A intenção é criar um estacionamento secundário fora do Centro para esses casos, evitando que o trabalhador que passa o dia fora de casa seja prejudicado.

DEIXE UMA RESPOSTA